Bem-vindo ao site do Norte de Mato Grosso, Peixoto de Azevedo/MT, sexta 18 de agosto 2017
Midia Kit
Política - MT - Saúde - Pública

Deputado quer obrigar pacientes do SUS a pagar materiais cirúrgicos

Victório Galli argumenta que os médicos da rede pública estão ficando sem poder realizar cirurgias por falta de material e mesmo quando os pacientes querem custear uma lei que proíbe a transação.

Deputado Victório Galli argumenta que é preciso que a lei permita essa opção a quem quiser.

Uma indicação feita ao Ministério da Saúde pelo deputado federal Victório Galli (PSC) prevê que pacientes atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) comprem seus próprios materiais para cirurgia e medicamentos, caso estes não estejam disponíveis nas unidades hospitalares.

Segundo Galli, os médicos da rede pública estão ficando sem poder realizar cirurgias por falta de material e mesmo quando os pacientes e seus familiares querem custear a conta acabam 'esbarrando' em uma lei que proíbe esse tipo transação.

“Sem os materiais imprescindíveis, os médicos não têm como fazer certas cirurgias”, explica o deputado.

O parlamentar argumenta que os próprios pacientes, por meio de familiares, indicam o desejo de pagar pelo material para que as cirurgias emergenciais possam ser realizadas, no entanto, são proibidos.

“Não é possível o cidadão ou a cidadã não ter direito de pagar pelo material cirúrgico se assim a família o quiser”, destaca o pedido.

A indicação foi enviada ao ministro Ricardo Barros, que deve analisar e responder sugestão do deputado mato-grossense nos próximos meses.

“Rogamos a compreensão das autoridades públicas para o grave problema da Saúde Pública brasileira, a fim de que seja garantida a implantação das práticas integrativas e complementares no sentido de determinar que o SUS autorize aos médicos da rede pública fazerem cirurgias quando os estabelecimentos de saúde não tiverem material hospitalar e o paciente por livre e espontânea [do paciente]”, conclui o texto.

Atenção! O site "Realidade MT" não se responsabiliza por calúnias, injúrias, linguajar inapropriado, preconceituoso ou quaisquer afirmações de natureza ofensiva que venham a ser veiculadas nesse espaço, sendo que essa responsabilidade recai inteiramente sobre o usuário que se utilizar deste espaço democrático e livre de forma inadequada.

VÍDEOS

Parceria está proporcionando recuperação da estrada E60 na Gleba Iriri/Jarinã

OPINIÃO

Jesus é maior do que pensamos
Costumo afirmar que o Pai Celestial desaprova qualquer manifestação de ódio em Seu Santo Nome. I...
Mulheres Cidadãs
O futuro do mundo depende essencialmente da atenção e da magnanimidade de suas mulheres. Temos extra...
ver mais

ENTRENENIMENTO

Filmes
Homem-Formiga e Vespa | Vídeo divertido celebra o começo da produção

TECNOLOGIA

App
Aplicativo Economiza Club ajuda o consumidor a economizar em compras de supermercado e farmácia

ESTADO

Desenvolve - MT
Mutuários têm débitos regularizados com até 90% de desconto na Desenvolve MT
Desenvolve MT
Mutirão da Conciliação oferece descontos de até 90% para quem negociar débitos até o dia 11