Bem-vindo ao site do Norte de Mato Grosso, Peixoto de Azevedo/MT, terça 16 de janeiro 2018
Midia Kit
Política - Crise - no - Planalto

Nilson Leitão defende que PSDB deixe base aliada de Temer

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) disse que o partido deveria entregar todos os cargos que possui no Governo Michel Temer (PMDB), incluindo Ministérios.

Leitão também pediu o afastamento do senador Aécio Neves da presidência nacional da legenda.

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) defendeu nesta quinta-feira (18) que o partido deixe a base aliada do Governo Michel Temer (PMDB) e entregue todos os cargos que possui. Ele ainda pediu o afastamento do senador Aécio Neves da presidência nacional da legenda.

Leitão considerou como “crise partidária” a revelação de que Aécio pediu propina de R$ 2 milhões à empresa JBS para pagar sua defesa na Operação Lava Jato. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, determinou o afastamento de Aécio das funções no Senado.

O parlamentar também chamou de “convulsão institucional” as delações do dono da JBS, Joesley Batista, apontando que Temer deu aval ao pagamento de mesada da empresa para garantir o “silêncio” do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB).

Em nota, Leitão também defendeu a renúncia de Temer e de todos na linha sucessória da presidência da República, para que a presidente do STF, Carmen Lúcia, assuma o cargo pelo período de 30 dias, até que novas eleições sejam realizadas.

Veja a íntegra da nota:

“Diante da crise partidária que se abateu sobre o meu partido, e da convulsão institucional que já assolava o país há tempos e se agravou nas últimas 24 horas, gostaria de deixar clara a posição que defenderei:

- Defendi o Afastamento do senador Aécio Neves da presidência do PSDB, até que sejam esclarecidas as denúncias que pesam sobre ele;

- Desembarque imediato do PSDB do Governo de Michel Temer, com a entrega dos cargos pelos ministros do partido;

- Renúncia do presidente Michel Temer, para permitir que a estabilidade seja reestabelecida nesse momento tão crítico do país; Mesmo entendendo a melhora da economia e do emprego, é necessário estancar a crise imediatamente;

- Disposição dos presidentes da Câmara e do Senado em abrirem mão da linha sucessória para a Presidência da República na vacância do cargo, permitindo que a presidente do STF assuma o cargo interinamente;

- Condução de novo processo eleitoral pela presidente do STF, Carmen Lúcia, em no máximo 30 dias, como determina a Constituição Federal.

Dep. Nilson Leitão (PSDB-MT)”

Atenção! O site "Realidade MT" não se responsabiliza por calúnias, injúrias, linguajar inapropriado, preconceituoso ou quaisquer afirmações de natureza ofensiva que venham a ser veiculadas nesse espaço, sendo que essa responsabilidade recai inteiramente sobre o usuário que se utilizar deste espaço democrático e livre de forma inadequada.

VÍDEOS

José Medeiros discursa sobre a saída de Tiririca da política

OPINIÃO

Sigilo entre advogado e cliente é lei e deve ser respeitado
Este é o nosso primeiro artigo deste ano. Portanto, quero desejar-lhes um feliz 2018, de muita paz e...
Como você avalia os prós e contras de suas decisões?
Jordano foi promovido e saiu da tranquilidade do interior, onde morava, e hoje ocupa um super aparta...
ver mais

ENTRENENIMENTO

Netflix
Netflix pode distribuir internacionalmente ficção científica estrelada por Natalie Portman

TECNOLOGIA

Internet
Centenas de perfis falsos teriam tentado influenciar eleições no Brasil

ESTADO

Renegociação - de - Dívida
Governo se reúne com Banco Mundial e tratativas avançam
Benedito - Figueiredo
Secid vai rescindir contrato com empresa responsável por obra em ponte